Tag: Santa

27 de julho 0

Conheça as praias de Imbituba, Santa Cataria

Em Imbituba, Santa Catarina, praticamente todas as praias da cidade tem trilhas para caminhadas em diversos níveis de dificuldade. Um visual único da natureza que mistura dunas, pedras, mar e montanhas. Além de caminhadas na areia beira mar, existem as trilhas sobre os morros junto à mata nativa, onde  observar-se  o belíssimo recorte das praias e, dependendo da altura, até mesmo a curva do horizonte no oceano Atlântico.

 

 

Em algumas das praias, como no costão do Rosa Norte, existem caminhos especialmente desenvolvidos com trapiches para passeios. Dunas, pequenos rios, praias de mar calmo, enseadas, pequeninas bahias e abundante natureza.

Conhecer as trilhas de Imbituba pode ser uma atividade a pé ou a cavalo, para pessoas de todas as idades, esta é também uma receita infalível contra o stress da vida urbana. Uma combinação perfeita de aventura, praia e campo, onde a diversão é garantida em uma aula prática de ecologia, frente a frente com as maravilhas da natureza.

A praia do Rosa é a única baía brasileira a fazer parte do seleto Clube das Mais Belas do Mundo. O título, uma espécie de selo de qualidade, foi concedido pelo Clube, uma Organização Não Governamental com sede em Paris.

Já a Praia de Ibiraquera é considerada a melhor praia para o Standup Paddle, Kitesurf e Windsurf em ondas em todo o Brasil, faz parte deste cenário: dunas, rios, ilhas e lagoas, sobressaindo-se a Lagoa de Ibiraquera, que possui excelentes condições para a prática de Windsurf slalom e o Kitesurf freestyle. A praia da Ibiraquera é famosa também pela pesca de camarão.

O canto da Praia da Vila é um dos recantos mais famosos no mundo do surfe. A Vila é a única praia da América Latina que sedia o Campeonato Mundial de Surfe (WCT).Durante o Campeonato a cidade é contagiada, todos se envolvem com o momento e Imbituba passa a “respirar” surfe.

 

 

Enquanto isso, a Praia do Porto e a Praia da Vila se completam na prática do surf. Localizada entre a Praia da Vila e a Praia da Ribanceira, a Praia do Porto permite a formação de ondas ao lado dos destroços de um navio encalhado há cerca de 16 anos, oferecendo aos visitantes um colorido especial a sua paisagem O Porto da Vila contempla parte importante da história econômica e social do município de Imbituba.

Imbituba está a 90 quilômetros ao sul da capital, Florianópolis. Num raio de 180 quilômetros você pode ainda visitar a cidade de São Joaquim e curtir o friozinho da Serra ou ainda conferir as estância hidrotermais de Santo Amaro da Imperatriz, Gravatal e Termas da Guarda.

 

 

Fonte: qualviagem.com.br
Fotos: via Flickr (Núbia de Rodrigues Araújo e Ed Pichler)

Deixe seu Depoimento
07 de janeiro 0

Bombinhas/SC – Capital do mergulho ecológico

Em Bombinhas esconde-se um dos cenários subaquáticos mais fascinantes do mundo. Muitos são os fatores que fizeram deste lugar um dos pontos preferidos para os mergulhadores, amadores e profissionais. Um deles é o fato de que 60% do território de Bombinhas está localizado no entorno da Reserva Marinha do Arvoredo. Outro é a sua situação geográfica, que permite o encontro de duas correntes marinhas: uma fria, vinda das Ilhas Malvinas, Argentina e a outra, a corrente brasileira, caracterizada por temperatura mais quente. Isso permite condição perfeita para uma rica e diversificada vida marinha.

Por tratar-se da ponta de uma península, recortada e cercada de praias e costões, oferece variadas opções de pontos para a prática do mergulho. Desde 1980 este esporte vem crescendo em Bombinhas a cada ano, sendo já conhecida como a Capital do Mergulho Ecológico. Esta demanda promoveu a instalação de várias operadoras de mergulho, que fornecem cursos práticos, além de grande variedade de equipamentos e material para atividades submarinas.

As formas de vida exótica dos mares da região, que se alternam com os recifes de corais são surpreendentes para os que invadem as profundezas das águas. Aos mais experientes é possível ainda viajar no tempo visitando naufrágios, como o do cargueiro LILI (1957), na Ilha das Galés.

 

Principais pontos de mergulhos permitidos:

– Ilha do Arvoredo: Saco do Caoim, Farol do Arvoredo, Saco do Batismo, a Baía das Tartarugas, a Baía do Engenho e o Saco do Vidal.

– Ilha do Macuco : Na Costa: Sepultura, Palmeiras, Caraolho, Costão de Bombas, Praia da Lagoinha, Praia do Embrulho, Praia da Tainha.

– Porto Belo: Ponta de Porto Belo e Estaleirinho.

 

As escolas de mergulho:

A maioria das escolas de mergulho estão credenciadas por organizações internacionais, como a PADI, PDIC e SSI, e oferecem habilitação para mergulhar em diversos países do mundo. Além dos cursos oferecem lojas especializadas em venda, aluguel e manutenção de equipamentos, recarga de cilindros, passeios e saídas de mergulho em embarcações altamente equipadas e seguras com rádio VHF/PX, ecobatímetro, GPS, equipamento de salvatagem, acompanhadas por divemasters e instrutores.

As operadoras de mergulho estão localizadas principalmente no centro de Bombinhas, oferecendo diversas opções de cursos:

– batismo: com acompanhamento integral de um instrutor, propicia a experiência do mergulho superficial, para passeio e diversão. Pode ser realizado na praia ou através de barcos e lanchas, com visita às ilhas;

– curso básico: consiste em treinamento teórico, com conhecimento inicial necessário para um mergulho seguro, seguido de treinamento em águas confinadas (piscina) e em águas abertas (mar);

– cursos avançados: realizado depois da conclusão do curso básico. Entre as especialidades destacam-se mergulho noturno, em naufrágios, fotografia subaquática, mergulho profundo, em cavernas, etc.;

– curso de primeiro socorros, para mergulhadores e não-mergulhadores. São ministrados ainda outros cursos específicos, para quem tiver interesse em tornar-se instrutor;

 

 

Fonte: guiabombinhas.com.br

Deixe seu Depoimento
Página 1 de 41234